Teste do Pezinho

Teste do Pezinho (Exame do Pezinho)

 

 Teste do Pezinho

 

O que é o Teste do Pezinho

O teste do pezinho é um exame laboratorial simples, conhecido também como exame de triagem neonatal, e tem por objetivo o diagnóstico precoce e prevenção de doenças metabólicas, genéticas e ou infecciosas que poderão causar lesões irreversíveis no bebê se não forem tratadas antes mesmo do aparecimento dos sintomas, como por exemplo a deficiência intelectual (retardo mental). O diagnóstico precoce oferece condições de um tratamento iniciado nas primeiras semanas de vida do bebê, evitando a deficiência mental. A deficiência, uma vez presente no corpo, já não pode ser curada.

 

Como é feito? 

O teste do pezinho é feito de forma bem simples, o bebê leva uma picadinha no calcanhar, pois é um local com muitas ramificações de vasos sangüíneos o que permite a coleta bem rápida. O bebê chora por ser uma sensação nova para ele.

 

Quando deve ser feito? 

O ideal para se realizar o teste do pezinho é aguardar o prazo de 48 horas após o seu nascimento, pois se for realizado antes deste período poderá haver influência do metabolismo da mãe nos resultados.

 

Tipos de Teste do Pezinho :

No Sistema Único de Saúde (SUS), o Programa Nacional de Triagem Neonatal é gratuito. O teste cobre a identificação de até quatro doenças. Mas nem todos os Estados brasileiros realizam os quatro testes.

O Programa Nacional de Triagem Neonatal prevê três fases do teste do pezinho, em que os Estados devem se adequar:

1ª Fase :

Fenilcetonúria - (Distúrbio genético no qual um dos aminoácidos presentes no leite pode prejudicar a saúde do bebê causando retardo mental grave);

Hipotiroedismo Congênito - (A falta do hormônio produzido na glândula tireóide causa deficiência mental e retardo de crescimento.);

2ª Fase :

Anemia Falciforme e outras Hemoglobinopatias - (As hemoglobinopatias são doenças causadas por anormalidades na estrutura molecular ou na produção da hemoglobina "S". Crianças com hemoglobina anormal são altamente suscetíveis à anemia e infecções.) 

3ª Fase :

Fibrose Cística - (Doença genética que causa problemas respiratórios e gastrointestinais crônicos). 

Também existem outros tipos mais completos de Exames do Pezinho (conhecidos como teste do pezinho ampliado ou teste do pezinho expandido) capaz de diagnosticar mais de 30 doenças e reduz o número de resultados falso-positivos, permite a análises das Acilcarnitinas (somente possível pela Espectrometria de Massas em Tandem), viabiliza o diagnóstico da deficiência de MCAD em neonatos e possibilita a detecção da Fenilcetonúria em amostras de crianças a partir de oito horas de vida. O custo para a realização do exame do pezinho ampliado ou expandido pode variar de acordo com a quantidade de doenças a serem detectadas, e podem ser realizados em laboratórios e maternidades particulares, consulte o médico pediatra para maiores informações.

 

Resultado: 

Não basta fazer o exame, é essencial buscar o resultado e levar ao pediatra para avaliar, porque o resultado normal, mesmo no teste ampliado não afasta a possibilidade de doenças neurológicas genéticas ou adquiridas como por exemplo, o teste do pezinho não diagnostica a Síndrome de Down.

O Teste do Pezinho Convencional é obrigatório e gratuito. E esse é um direito que seu filho já nasce com ele.

 

Importante

Para maiores informações consulte o médico pediatra do seu bebê